Direitos Humanos, Relações Étnico-raciais e Saúde

1. Periodicidade
Oferta ENSP - Regular - Anual

2. Objetivo Geral
Promover um conjunto de reflexões críticas e propositivas em torno da questão étnico-racial no Brasil e suas múltiplas implicações para a consolidação do direito humano à saúde.

3. Justificativa
O curso de especialização busca dar sequência às atividades formativas do DIHS/ENSP com foco na qualificação - em nível lato sensu - de profissionais que atuam ou desejam atuar no SUS. A escolha do tema relações etnico-raciais se deve ao reconhecimento de sua importância como principal eixo explicativo da história das relações sociais no Brasil e, consequentemente, de como a estrutura de tais relações permanece ainda hoje determinando o quadro de iniquidade sanitária.

4. Concepção Pedagógica
O curso terá em suas unidades de aprendizagem a explicitação teórica do conteúdo. Serão realizadas apresentação de filmes, oficinas iterativas, de acordo com critérios dos professores. Serão debatidas as questões de racismo, direitos humanos, políticas públicas, ética, SUS, educação, saúde, LGBTQIA+, feminismo negro, racismo e sistema de justiça criminal, trabalho, religiosidade negra, questões jurídicas, com foco nas relações étnico-raciais. O curso tem preocupação em fazer uma discussão transversal com os movimentos sociais, por isso serão realizadas oficinas de trabalho com os representantes dos movimentos sociais.

5. Sistema de Avaliação
Todos os professores farão uma avaliação dos alunos e os alunos preencherão uma ficha de avaliação em relação as aulas ministradas. Por tratar-se de um curso novo todas as aulas serão assistidas por pessoas que coordenam o curso. De acordo com cada professor a avaliação de discentes poderá ser por participação nas aulas, trabalhos entregues, prova de conhecimentos, além de frequência e trabalho de conclusão de curso.

1. Objetivo Geral
Promover um conjunto de reflexões críticas e propositivas em torno da questão étnico-racial no Brasil e suas múltiplas implicações para a consolidação do direito humano à saúde.

2. Perfil do Candidato
O curso se destina a profissionais de ensino superior que atuam ou desejam atuar no SUS.

3. Carga horária total do curso
O curso tem carga horária total de 540 (quinhentas e quarenta) horas, distribuídas da seguinte forma: 440 (quatrocentas e quarenta) horas para participação nas Unidades de Aprendizagem e 100 (cem) horas para elaboração do TCC.

4. Peridiocidade
Oferta ENSP - Regular ? Anual

5. Inscrição
Período de 21/03 a 08/04/2022 Para verificar o Edital, como também preencher o formulário eletrônico de inscrição é necessário acessar o link Inscrição em www.sigals.fiocruz.br > Inscrição > Modalidade: Presencial > Categoria: Especialização > Unidade: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca > Curso > Direitos Humanos, Relações Étnico-Raciais e Saúde.

6. Número de vagas
Estão sendo ofertadas 20 (vinte) vagas, sendo 14 (quatorze) para candidatos de ampla concorrência e 06 (seis) para ações afirmativas.

7. Contato SECA/ENSP
Fundação Oswaldo Cruz Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca Serviço de Gestão Acadêmica - SECA Rua Leopoldo Bulhões, 1480 - Térreo 21041-210 - Manguinhos - Rio de Janeiro - RJ Tel.: (21) 2598-2318 E-mail: pseletivo@ensp.fiocruz.br

7. Contato SECA/ENSP
Fundação Oswaldo Cruz Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca Serviço de Gestão Acadêmica - SECA Rua Leopoldo Bulhões, 1480 - Térreo 21041-210 - Manguinhos - Rio de Janeiro - RJ Tel.: (21) 2598-2318 E-mail: pseletivo@ensp.fiocruz.br